COLEÇÃO DE DENTE DE LEITE

Arrumamos uma concorrência para a Fada do dente! kkkkkkkkkkk

O Felipe começou a perder os dentinhos de leite. Ele precisou extrair os dois primeiros no consultório odontológico e mostrei todos os detalhes, inclusive o vídeo com depoimento (sincero) dele no final, estão nesse post: Tchau-dente-de-leite

Durante o vídeo, cheguei a mostrar a caixinha que estou utilizando para colecionar os dentinhos dele:

O legal da medalha que o Felipe ganhou da dentista, Dra. Amanda, foi que ela “vale um pedido”, assim, nos poupou de dar o dentinho para a fadinha!!! Talvez essa seja uma ideia bacana para que seu filho te permita ficar com os dentes dele também.

Falei sobre todos os detalhes dela nesse vídeo:

Eu comprei no site chinês chamado Aliexpress. A princípio, deixarei o link de onde comprei, mas as lojas mudam, acabam os estoques, esgotam o produto, tiram o link do ar, etc… Então, caso você clique neste link: Caixinha de dente de leite e ele não esteja mais disponível por algum motivo, procure pelo nome: “Caixinha de dente de leite” e ache um vendedor 5 estrelas de reputação!

Essa que eu comprei é super bem acabada, uma gracinha! Vale a pena!

Espero que goste da dica!

Muitos Beijos!!!

TCHAU DENTE DE LEITE!

Iniciamos uma nova fase por aqui, Felipe ficou banguela! Sim, aqui vai um “serviço de utilidade pública”: banguela é um adjetivo de 2 gêneros; masculino e feminino. Banguelo não deixa de ser aceito, porém, o correto é banguela tanto para menina como para menino!

Voltando ao assunto, meu filho estava super ansioso para este momento, já a mamãe aqui, nem tanto. Fico com meu coração apertadinho a cada passo dos meus pequenos. Ao mesmo tempo em que comemoro, sinto o crescimento deles; uma ambiguidade sem fim.

O fato é que tivemos que fazer a retirada dos primeiros dentinhos de leite do Felipe, na dentista por que os permanentes começaram a nascer atrás e, segundo a minha amiga dentista, eles não absorveriam a raiz dos dentes de leite o que faria com que eles não caíssem sozinhos.

Fiz um Vlog desse dia (06.11.2018) com todos os detalhes e depoimentos, estão no final desse post!

Mas o destaque principal vai para a coragem do meu pequeno Felipe, ele foi impecável.

A primeira tentativa foi com anestesia tópica, ou seja, aquela que coloca no algodão e deixa sobre a gengiva até adormecer. Como os dentes dele estavam um pouco moles, a Dra. Amanda acreditou que ela seria suficiente. Porém, conforme ela mexia no dente, ele reclamava de dor, essas tentativas são possíveis de identificar durante o vlog.

Então, a Dra. Amanda entrou com a anestesia injetável e, como num passe de mágica, Felipe não sentiu absolutamente mais nada e rapidinho a Dra. Amanda extraiu os dois dentinhos dele.

Felipe ficou super Felipe com suas janelinhas! Não vê a hora de chegar na escola para mostrar para os amigos já que, segundo ele, ele era o único da sala que ainda não tinha perdido nenhum dente.

 

Como ele foi muito corajoso e se comportou muito bem, a Dra. Amanda deu uma medalha para que ele “faça um pedido” em troca da sua coragem e da retirada dos dentes… Posso dizer que essa fadinha do dente evoluiu, viu! kkkkkkkkkkkkk

O Felipe foi tratado com todo o carinho do início ao fim do seu procedimento. Caso você esteja procurando uma profissional assim, seguem os contatos: Facebook: Ateliê do Sorriso 📱 11 97160.2063 ou 2651.323.

E aqui está os últimos momentos com os dentinhos de leite no lugar, minutos antes de sairmos para ir ao dentista! Tchau dentinhos, obrigada por acompanharem meu meninos nesses 6 anos!

Veja como foi o momento da extração e mais, como foram as dicas do Felipe para que outras crianças tenham a mesma coragem! O Felipe também tem um canal no Youtube, esse vídeo foi postado no canal dele também, para assistir, acesse: Canal Felipe Loguercio – Tchau dente de leite!

Muitos Beijos!!!

FELIZ ANIVERSÁRIO PEQUENA ALICE!

Quero fazer uma homenagem a uma pessoa especial que completa 01 aninho nessa data!

Alice, minha amada, a minha historia com a sua mãe começou há muitos anos atrás. Nós sempre sentimos um amor muito grande desses que simplesmente “se sente”. Sim, por que eu sempre amei a Michelle e sempre senti o amor dela por mim.

Nós estudamos juntas naquela fase da vida onde tudo é muito intenso, todas as amizades, todas as sensações, todos os sentimentos, tudo é muito forte e parece que será para sempre. Mas o legal do “final” dessa história é que no caso de nós duas, isso foi verdadeiro! Realmente se tornou para “a vida toda”, o que eu considero um privilégio e um presente de Deus.

Depois disso, passamos a somar com nossas famílias! E hoje somos muito felizes ao ver “tudo junto e misturado”!!!

Quando sua mãe engravidou de você, eu fiquei MUITO feliz! Ela sempre soube que a “Alice” viria para a vida dela, não é possível! Por que você já tinha esse nome há muuuuuuito tempo, e saber que agora você viria para as nossas vidas me encheu de alegria:

No final da gravidez da Mi, rolou meio que um “estresse” entre nós duas. Nada grave, nada mesmo. Mas apareceu uma viagem que não estava prevista e eu viajaria dia 09/11/2017. A questão era que sua mãe estava indignada que calhasse da minha viagem chegar e eu te conhecer somente quando eu voltasse.

Mas meu amooooorrrrr, nosso santo é forte! O meu, o seu, o da sua mãe… e aconteceu que, em 07.11.2017, sua mãe teve uma consulta na qual ficou determinado entre “você” e a médica que “de hoje não passa!” Quando sua mãe me ligou, eu dei até um grito! Por que SIMMMMM, eu te conheceria antes de viajar!!! Que alegria!!!

08/11/2017 – Muito Prazer, Alice!!!

Desde então, venho acompanhando suas descobertas, sua evolução, seu crescimento, seus looks, TUDO! E venho me apaixonando mais e mais, diariamente, por você.

Logo que voltei de viagem, corri te ver, novamente!

Você completou o time, chegou dando o tom COR DE ROSA no meio desse mar de azul que eu e sua mãe trouxemos para o mundo!

Como não bastasse toda a minha alegria por fazer parte da sua vida, eu recebi uma ENORME SURPRESA:

Ganhei um presente especial! Uma ligação eterna com você e sua família!

Os meus agradecimentos mostram, além da minha emoção, como foi que me senti nesse momento:

Minha alegria em ganhar um PRINCESA foi tão grande que procurei uma coroa para simbolizar esse momento.

Bem como um cartão de agradecimento aos seus pais pela honra que recebemos!

Aqui está, a cartinha em que “tento” expressar o tamanho da minha gratidão. Uma tentativa mesmo por que sinceramente, ela é imensa!

 

 

 

Nesse dia especial, que você completa 1 aninho, meus votos são para que você tenha muita saúde e muito momentos de felicidade. Que você cresça sendo sempre muito abençoada e iluminada pelo papai do céu.

Que Deus me permita estar do seu lado em todos os momentos e que nós possamos construir uma linda história de amor! Sou muito feliz por ter você na minha vida e muito orgulhosa por poder te chamar de MINHA AFILHADA! Te amo, Alice!

Parabéns!

Muitos Beijos!!!

A DOR DE ACORDAR DE UM SONHO

A minha gravidez não desenvolveu.

Eu decidi postar os vídeos de tudo até aqui, por que fez parte da minha história e não conseguirei apagar nunca mais da minha memória, por isso, decidi que dividiria tudo com vocês sim até por que não sou feita somente de dias e histórias felizes e o quanto essa situação tem feito com que eu valorize ainda mais a vida e família que tenho.

Contarei toda a história em detalhes porém achei por bem iniciar com um resumo de tudo para as pessoas que entrarem nos meus vídeos e não entenderem nada!

Feito o resumo, começarei do começo!

Eu e o Fernando vínhamos falando deste assunto há um tempo… uns 8 ou 9 meses para ser mais exata.

Com 2 filhos, eu já falava em cirurgia plástica; cheguei a passar em consulta com o cirurgião e fazer orçamento até. Quando o Fernando me viu nessa empolgação, das duas uma:

  • Ou acreditou que não teríamos mesmo o segundo filho e foi sincero: “Eu marquei médico para agendar vasectomia”. “Já que não teremos mais filhos, não podemos correr o risco de você fazer cirurgia e depois acabarmos engravidando sem querer”.
  • Ou teve a certeza de que essa conversa me deixaria como fiquei! Perdida, sem saber o que fazer, entrei no famoso questionamento: “Não sei se caso ou compro uma bicicleta” sabe!

Iniciamos uma era de discussões de relação por aqui! Discussões boas, se é que você me entende. Mas nossos “happy hours” passaram a ser para colocarmos nossos pensamentos com relação as diferenças entre uma família de 04 pessoas x uma família de 05 pessoas. Passamos a listar os prós e contras; a falar sobre como seríamos muitos integrantes e teríamos que trabalhar mais; a gostar da ideia (no caso eu, por que o Fernando sempre soube que ele queria 03 filhos); a amar a ideia; a sonhar com a ideia; a planejar a ideia; a executar o plano; a concretizar o plano; a comemorar a conquista; a implantar a existência deste ser que chegaria na nossa família em alguns meses; a fazer novos planos; a contar para nossa família e amigos; a tirar fotos considerando esse bebê na minha barriga; a falarmos dessa gestação como um novo integrante da nossa família…

Até que chegou o dia em que tivemos que lidar com a realidade, a mais dura e cruel que já tive que encarar em toda a minha existência. Sim, de fato a minha vida é maravilhosa. Esse item mais duro e cruel para mim é encarado pela medicina como “TÃO COMUM QUE  DE 25% A 30% DAS MULHERES PASSAM NA VIDA”. Eu não sou de falar palavrão nos meus vídeos e muito menos de escrevê-los nos meus posts, mas no momento em que isso acontece com você, posso dizer que você liga um grande FODA-SE à estatística.

No momento da sua descoberta (quando você quer mesmo o bebê, claro), o chão se abre sob os seus pés e parece que você cai tão fundo num vazio de escuridão tão grande que nem você mesma acredita que ele possa existir e você grita desesperadamente: “É isso mesmo, produção?” “Deus, cadê você? Por que está fazendo isso comigo? O que eu te fiz? Por que eu mereço isso? Você não vai me segurar? Me acordar desse pesadelo e faz com que eu descubra que foi só um sonho ruim?”

Com o tempo, você começa identificar as coisas mesmo no meio da escuridão e antes das luzes se acenderem você já começa entender que terá que lidar com isso e que OS SIGNIFICADOS QUE VOCÊ DARÁ PARA ESSA PERDA terão o poder de AUMENTAR OU DIMINUIR A SUA DOR.

Foi assim, mesmo que em meio a escuridão, a tristeza, a sensação de fracasso, a dor, a mais profunda dor que eu já senti; decidi que eu iria acender a luz, eu iria escalar esse poço no qual desabei e recomeçar. Dói, ainda dói. Mas estou buscando entender e aceitar o que aconteceu comigo. Decidi falar, resolvi mostrar tudo para vocês por que acredito muitas mulheres passam por isso, sofram muito e muitas vezes carregam sozinha o sofrimento. Você não tem ideia de como uma amiga que viveu uma situação parecida com a minha me ajudou MUITO.

Só o fato de saber que ela poderia me entender, fez total diferença. Me senti acolhida; da um conforto tão grande saber que eu tinha com quem dividir tudo o que eu estava passando que eu decidi fazer o mesmo por outras mulheres. Estou dividindo com você para o caso de você estar passando por algo parecido, sinta-se acolhida, me escreva, conte comigo. Eu te entendo!

O QUE ACONTECEU COM A MINHA GESTAÇÃO?

Ela não evoluiu. Meu embrião não chegou a ter BCF (batimento cardíaco fetal)

COMO FIQUEI SABENDO?

Como eu estava tentando engravidar, eu sabia a data de tudo! De cada detalhe: meu último ciclo menstrual; a data da minha ovulação; a data da minha nidação ; o dia em que fiz o meu primeiro teste de gravidez (e dera negativo); o dia em que fiz o meu segundo teste de gravidez (e dera positivo), etc…

Fiz o meu primeiro ultrassom no dia 13/07/2018:

Junto com o Beta HCG  que deu muito baixo = 160. De acordo com a médica do hospital: “Parabéns, você está grávida mas você descobriu muito cedo. Antes do Beta dar 2000 não conseguimos ver nada no seu útero”.

Meu segundo ultrassom foi no dia 27/07/2018:

Quando passei na médica, ela disse que ainda estava muito cedo. Provavelmente eu estaria de menos tempo de gestação do que eu acreditava estar já que não batiam as datas do meu último período com os ultrassons. Então ela sugeriu que eu repetisse o exame dali a 01 semana e foi enfática: “Daí temos que ouvir os batimentos cardíacos, mas se não acontecer eu quero que você saiba que não é o fim do mundo. Isso é muito comum acontecer quando há alguma incompatibilidade genética mas você é nova, saudável, pode tentar de novo a qualquer momento… bla bla bla bla bla bla… eu bloqueei, já não ouvia mais nada. Pensei: “Como assim? O que ela pensa? Claro que está tudo bem”.

Parenteses: Hoje eu sei que a evolução daquele embrião já não estava sendo de maneira satisfatória, lá atrás eu não parei para pensar nisso por que eu nunca acreditei passar por essa situação.

Meu terceiro ultrassom foi no dia 02/08/2018:

Esse só não foi pior do que meu último ultra. Meu marido foi comigo num ultrassom que estava marcado para 8:40h . Ele teria uma reunião as 10:30h do outro lado de SP porém queria “ouvir o coração do bebê”.  Resumindo, o laboratório atrasou tanto, tanto, que ele saiu quase 10h de lá e eu ainda não tinha nem entrado na sala. Conclusão: já entrei chorando para o exame e a médica passou uns 15 minutos só me acalmando para começarmos já que expliquei a tensão que eu estava e o quanto aquele dia era importante e pelo atraso meu marido não poderia estar do meu lado naquele momento.

Embora eu estivesse irritada com a médica pude sentir o quanto ela se sensibilizou com a minha situação e não sei dizer o quanto isso foi melhor ou pior para mim e já faço com que você consiga entender o meu raciocínio:

Fizemos o exame e a notícia que eu não queria escutar chegou: “Realmente não identifiquei batimentos mas se pegarmos todos os seus ultrassons vemos que o embrião está evoluindo, no primeiro só tinha uma leve formação de um possível saco gestacional; no segundo foi possível visualizar a vesícula vitelina ; e agora conseguimos ver o embrião, ou seja, ainda há a suspeita de que as datas que você passou não estejam batendo”.

Talvez, se a médica não estivesse tão sensibilizada com a minha emoção, ela teria sido mais enfática e realista nesse exame. Mas viverei com esse: “TALVEZ”.

Acredite em mim: não tive mais dúvidas, passei a acreditar piamente que as datas poderiam estar erradas e meu bebê teria menos tempo do que eu acreditava que tivesse. Sério, eu sabia cada data, mas nesse momento, eu não me senti me sabotando, eu ACREDITEI FIELMENTE NISSO. Uma crença inquestionável de que daria tudo certo e PONTO. Eu não questionei mais nada, só tive certeza.

Como eu estava com a viagem para Bariloche marcada para dali a 04 dias, cheguei para o Fernando e disse: “Chega, não vou voltar na médica, vamos contar para nossa família, vamos viajar; quando voltarmos eu começarei tudo de novo, daí o bebê estará maiorzinho, terá os batimentos, conseguirão estimar a data do parto e saberemos de quantas semanas eu realmente estou.

Fomos viver e fomos felizes nesse período, este bebê participou da nossa viagem como um integrante da família, vocês poderão ver nos vídeos dos vlogs de Bariloche em alguns momentos, como nessas fotos que postarei somente aqui:

Cerro Catedral – Bariloche – Argentina

Rua Bartolome Mitre – San Carlos de Bariloche

Meu quarto ultrassom foi no dia 20/08/2018:

Fui trabalhar no período da manhã, saí de lá, peguei meu marido e fomos para o laboratório. Estava atrasada a agenda para variar. O que conversamos na espera? Eu digo:

  • Modelos de quartos para 03 filhos. Sim, o Fernando estava olhando as fotos no Google  de como poderíamos fazer para deixar o quarto deles divertido com 03 camas.
  • Como eu não poderia imaginar que veria minha barriga crescer novamente! Olhávamos as fotos e as grávidas ao nosso redor e eu dizia para o Fernando que eu estava tão feliz e tão agradecida a oportunidade de vivenciar tudo outra vez. Que estava sendo tão especial e que em alguns momentos eu não conseguia acreditar que eu ficaria com aquele barrigão outra vez.

Chegou minha vez, fui para o exame mais difícil da minha vida.

Entreguei meus exames anteriores e adiantei a minha história. A médica não falava, estava quieta e séria. De repente a notícia: “É não tem mesmo batimento”. Pedimos que ela repetisse, por que eu não quis entender. Então ela falou: “Eu não identifiquei os batimentos cardíacos, não evoluiu mesmo.”

Pensa comigo, se fosse uma gestação saudável, no dia 20/08/2018 eu estaria com 9 semanas e 6 dias, já teríamos que ter ouvido os batimentos há quase 1 mês atrás e adivinhe qual foi a minha resposta?????

“DRA, SERÁ QUE EU POSSO TER ERRADO AS DATAS?” = NEGAÇÃO, MECANISMO DE DEFESA PSICOLÓGICA DO EGO. Afffffff, como somos humanos nesses momentos né! Neguei, não consegui aceitar. Então ela foi ainda mais clara:

“Não, você já está com um descolamento considerável, o embrião já está até danificado”.

Pronto, pode voltar lá no início desse post e começar tudo outra vez na parte onde eu digo: o chão abriu sob meus pés. Foi aqui, foi nesse momento. Foi uma eternidade esperar o laudo desse exame; eu sentia o meu corpo formigar, uma sensação horrível. Abracei o Fernando e não consegui me manter forte. Desabei.

Não foi fácil, não está sendo fácil, não esquecerei nunca… mas venho buscado formas de lidar com isso e acredito que NA MEDIDA DO POSSÍVEL, estou indo bem!

Quero falar com você a respeito de tudo isso nos meus vídeos assim que eu conseguir terminar as frases sem chorar. Prometo!

Acredito sim que Deus saiba de todas as coisas e que ele quer sim o melhor para nós. De alguma forma eu tinha que passar por isso e estou aprendendo a aceitar, diariamente.

Por fim, deixo para você o texto com o qual divulguei a minha mais profunda perda para minha família e amigos:

Para nossa família e nossos amigos…

Essa é a notícia mais difícil que eu já dei em toda a minha vida. Fizemos um ultrassom há poucos dias e descobrimos que a gestação não evoluiu, infelizmente.

Perdemos o chão, a esperança, a nossa família de 5 pessoas. Ganhamos o medo; a dor; o problema de contar para nosso filho mais velho que está comemorando diariamente a vida desse bebê; a tristeza de abrir os olhos deste sonho… enfim… simbólico, sabemos! Nossa médica tem nos confortado muito nos explicando o quanto isso é comum e nos dizendo que “emocionalmente” perdemos um filho porém para a ciência era um embrião de pouquíssimo tempo que será expelido naturalmente (se Deus quiser).

Pedimos desculpas por ter te envolvido nisso. De alguma forma acreditamos que nossa alegria deveria ter sido dividida com você e acredite, é muito dura a missão de ter que retirar essa informação.

Vai passar, iremos nos recuperar e se Deus quiser logo logo estaremos fortes e muitos felizes como sempre fomos, novamente. Acredito que coisas ruins venham para nos ensinar coisas boas. E que a vontade de Deus deve prevalecer sempre por que muitas vezes desconhecemos o que é “o melhor” para nós, mas ele, nunca.

Agradeço inclusive pela compreensão desse tempo que precisamos para negar a notícia, chorar, questionar para enfim aceitar.

Ficaremos bem! Amém.

Para finalizar, o vídeo onde conto sobre a perda com todos esses detalhes:

Enquanto eu fui feliz nessa gestação:

No vídeo abaixo eu conto sobre essa gestação:

Nesse vídeo conto sobre os primeiros exames, os medicamentos que estava tomando e o quanto eu estava feliz:

Muitos Beijos!!!

 

 

 

 

CHÁ DE BEBÊ REVELAÇÃO – ESPECIAL

Ele continua na moda!  O “Chá de bebê revelação” está aderindo cada vez mais adeptos e as formas de divulgação do sexo do bebê está ganhando asas de acordo com a imaginação de cada um.

Dessa vez quero contar sobre um chá revelação especial. Especial por que não fui “imparcial”, especial por que não estou aqui somente para te mostrar ideias e sugestões para essa ocasião. Claro que o post está cheio de coisas para que você possa se inspirar, mas eu tenho que destacar que VOU SER TITIA! E esse chá revelação é da minha irmã!  (Para saber mais sobre  ela, acesse Quando-soube-da-gravidez-da-minha-irmã)

Começando pela decoração:

Ela escolheu o tema jardim, para fugir daquele clássico da mesa que fica metade rosa x metade azul.

Eu achei a ideia bastante criativa e que pode inspirar muitas mamães que estão pesquisando sobre chá revelação por que dentre o colorido do jardim, fica bem dividido entre as cores ROSA x AZUL.

Embora tenha fugido do “tradicional” metade x metade, as 2 cores, tanto o rosa quanto o azul estiveram bastante presente o que deixava o ar de suspense entre MENINO ou MENINA!

Eu, particularmente, me apaixonei por cada detalhe!

Outra inspiração legal para um chá revelação foi que no convite da festa, eles sugeriram que nós, convidados, nos vestíssemos da “cor do nosso palpite”.

Como o Felipe torcia muito para ser um “primO” (eu não errei a letra “o” por acaso, rsrsrsrs), ele estava bem convicto da escolha dele e queria muito um menino. Assim, vesti ele e o irmão de azul. Como eu acreditava ser uma menina, me vesti de rosa. Meu marido acreditou no meu palpite e foi de rosa também! rsrsrsrsrs

Achei que a brincadeira de ROSA x AZUL deu uma emoção a mais na revelação!

As lembrancinhas do chá de bebê foram plantinhas para “deixarmos o amor crescer”. A ideia também foi muito legal ainda mais se fizermos a analogia com o momento em quem estamos esperando esse bebê que com toda certeza fará com que nosso amor cresça a cada dia!

 

As luzes do espaço Cook Hall Buffet ficavam mudando de cores durante toda a festa, aumentando ainda mais o clima de suspense.

 

A comida foi um “show à parte”, variedade, fartura, bom atendimento e o principal, deliciosa. O espaço Cook Hall Buffet foi protagonista do que podemos chamar de festa BOA, sabe! Em todos os detalhes eu notei dedicação e carinho.

Embora o “irmão mais velho” não estivesse na festa, não deixou de ser homenageado! O cachorrinho “Guspe” recebeu as honras também!

Os amigos participaram de forma brilhante! Não somente foram das cores dos seus palpites como fizeram torcida e deram “nomes”, rsrsrsrsrsrs…

ROCHELLI = RODRIGO + MICHELI

A maioria das pessoas entraram no clima. Foi feito uma foto para registrar as apostas. Quem estava de azul tirou a foto com o seu “time”.

Da mesma forma foi feito com quem estava de rosa.

Depois disso, seguimos para o clímax da festa.

Prestem atenção nas expressões deles no momento da REVELAÇÃO:

E foi nesse momento que descobrimos quem vem por aí:

A emoção dominou o Cook Hall Buffet foi uma festa, uma choradeira, uma comemoração…

Até parece que não amaríamos de qualquer maneira! kkkkkkkkk…

Uma alegria GIGANTESCA. Minha irmã está grávida, nós crescemos juntas; dividimos tantos momentos das nossas vidas; passamos por tanta coisa juntas… daqui para frente dividiremos este estado chamado “maternidade”. Sinto como se nos aproximássemos ainda mais e amo a ideia da chegada dessa sobrinha!

Lembra quando comentei das luzes? Desse momento em diante, as luzes não mudaram mais as cores. O ROSA assumiu o lugar e a Letícia (sim, o nome dela) chegou dominando a parada!

A revelação foi feita com uma CHUVA DE PAPEL. Dessa forma, eles compraram os papéis nas cores rosa E azul. Ninguém soube o resultado do exame até uns 30 minutos antes da revelação propriamente dita. Faltando pouco tempo para a revelação, minha irmã entregou o resultado do exame (num envelope lacrado) para o pessoal do Cook Hall Buffet que prepararam a surpresa com todo carinho. Ficou liiiiiiiiindo.

 

As fotos ficaram lindas mas não transmitem o clima do que vivemos nesse dia. Sinta a emoção desse momento conosco, com detalhes, nesse vídeo:

https://www.youtube.com/watch?v=SCItn5MxM88

 

Letícia, a titia já está bem ansiosa à sua espera!

Muitos Beijos!!!

QUANDO SOUBE DA GRAVIDEZ DA MINHA IRMÃ

Eu e a Micheli temos uma relação que sempre achei ser uma “relação normal de irmãs”. Nós temos uma diferença de idade que não nos permitiu vivenciar as mesmas coisas ao mesmo tempo. Por exemplo, quando ela curtia alguns desenhos ainda, eu já estava naquelas de pensar em que roupa eu vou naquela festa. Quando ela estava na escola, eu ia para a faculdade… O que, durante nossa infância e adolescência fez com que não fôssemos tão próximas no quesito dividir confidências, fazer os planos juntas, essas coisas… Nada disso impediu meu amor e minha torcida na primeira fila para que tudo dê sempre certo na vida dela.

Não à toa, dizemos que somos “Elsa e Ana”!

Com o tempo, a vida adulta fez com que nós nos aproximássemos cada vez mais. A partir de então, passamos a ser amigas, cúmplices, dividir confidências, etc…

Ela cresceu muito profissionalmente, conquistou ainda mais a minha admiração.

Foi ela quem me levou para o mundo da tatuagem, fizemos uma tatuagem de irmãs como aliança do nosso amor:

Ela esteve do meu lado em todos os momentos mais importantes da minha vida e vice-versa. Vou citar alguns aqui, mas serei injusta eu sei, afinal de contas foram MUITOS: Natais, Réveillons, aniversários, viagens… É uma VIDA de companheirismo e não existe resumo para tudo o que vivemos, é realmente TUDO isso!!!

Micheli

Sua formatura:

Muitas transformações:

Meu casamento:

Até nossas brigas!

Minhas primeira gestação:

Enxoval do Felipe, e como eu lamento não ir fazer o da Letícia!

O nascimento do Felipe:

Muitos momentos que compartilhamos juntas:

Nosso amor

Todos os Natais:

Nossas maluquices:

As oportunidades de estarmos juntas na Terra da Magia ou em qualquer outro canto!

Epcot Center

 

Animal Kingdom

Minha segunda gestação:

Nascimento do Gabriel:

Nossa família abençoada:

Nossas bagunças:

 

Minha renovação de votos:

Nossa Tattoo:

Até debaixo d’água compartilhamos momentos bons:

irmãos

Esse ano, ela aumentou consideravelmente esses “momentos importantes”, a Micheli virou “gente grande”!

ELA CASOU:

 

 

Me deu a honra de ser sua madrinha:

E mais, ela VAI SER MAMÃE! Eu já falei algumas vezes aqui no blog que a “maternidade” é o capítulo principal da minha vida.

Eu me realizo sendo mãe, sou feliz demais com a minha família e acredito que isso me torna completa.

Saber que minha irmã está entrando nesse capítulo da vida, me emociona e me enche de alegria.

Tudo o que eu desejo é que você, Cheli, possa ser cada dia mais e mais feliz. Estou MUITO FELIZ COM A CHEGADA DESSE BABY!

Para saber se é MENINO OU MENINA, acesse: Chá-de-bebê-revelação-especial.

Muitos Beijos!!!

TUDO SOBRE O ANIVERSÁRIO DO FELIPE E GABRIEL – 2018

Eu postei o resultado final desse aniversário com fotos e vídeos, aqui:

FESTA DE ANIVERSÁRIO – FELIPE 6 E GABRIEL 2 ANOS – FOTOS

A retrospectiva que exibimos na festa foi essa:

Esse ano, optei por fazê-la quase que 100% em vídeos ao invés de fotos. Achei que ela ganhou “vida”! Eu gostei muito da experiência!  Toda retrospectiva que eu monto, tem uma “ordem lógica, nada lógica” na minha mente, sempre comparo a um desfile de escola de samba que passa na avenida com uma “lógica planejada por trás de tudo o que estamos assistindo”. A retrospectiva desse ano foi montada pensando nas etapas de cada aniversário dos meninos, considerando desde a minha união com o Fernando, o nascimento dos dois e as datas de aniversário.  Como sempre faço também, mostrei pessoas que são muito queridas nos nossos corações e marcam nossas vidas de alguma maneira… Claro que não consigo colocar exatamente todas, mas sempre busco imagens para homenagear grande parte dessas pessoas.

Até chegar nesse dia, providenciamos vários detalhes que também mostrei no meu canal do Youtube :afiliado

No vídeo acima eu mostrei para quem me segue que apesar de deliciosa as comemorações, até o dia delas, temos uma porção de decisões para tomar e tarefas para executar, além da escolha do tema que a partir desse ano, não tenho mais a opção de escolher o tema da festa dele.

Falei também sobre a dificuldade em montar uma lista de convidados, dividi essas minhas dificuldades nesse vídeo também.

Depois de decidido o tema, lá vou eu para as minhas customizações!!!

Esse ano eu customizei máscara do Spider Man!

Quando montei a minha máscara, mostrei todo o passo a passo nesse vídeo acima!

Nesse dia, fizemos um ensaio fotográfico bem descontraído para que eu pudesse usar as fotos para o aniversário, especialmente para o convite!

Postei também as fotos desse ensaio aqui no blog, nesse post:

UM DIA DE FOTOS COM MEUS HERÓIS!

Na sequência, mostrei nossos looks para o dia da festa! Tanto no vídeo acima, onde mostrei as encomendas que recebi do Mercado Livre, como no post que fiz aqui no blog:

MEU LOOK MULHER ARANHA

Mostrei também a escolha do meu look para a festa dos meninos e a facilidade com a qual adquiri as peças:

Fiz o post com as fotos do look escolhido:

O LOOK QUE USEI NA FESTA DOS MENINOS

Mostrei detalhes de lembrancinhas e decoração no vídeo acima!  E como prometido, fiz um tutorial sobre como montar os balões de led:

Mostrei ainda o cardápio e os livrinhos de colorir que fizemos! Deixei o site nos comentários do vídeo, mas vou deixar a dica aqui também. Caso esteja montando a festa de um tema e queira itens de decoração, lembrancinha, convite, ou seja, qualquer suporte para sua festa, não deixe de entrar nesse site que me ajuda muito desde o chá de bebê do Felipe: http://fazendoanossafesta.com.br/

Aproveito para agradecer o trabalho de filmagem da festa e deixar o contato para você:  www.zaqproducoes.com

E por fim, o personagem do Spider Man que fez um trabalho impecável além da fantasia dele estar linda! www.instagram.com/divertmaniaa/

Deixo também, os detalhes da festa dos meninos do ano passado, tema Toy Story, caso você esteja pesquisando ideias bacanas para sua festa, lá tem bastante coisa linda também!!!

TUDO SOBRE O ANIVERSÁRIO DO FELIPE E DO GABRIEL

Muitos Beijos!!!

 

FESTA DE ANIVERSÁRIO – FELIPE 6 E GABRIEL 2 ANOS – FOTOS

Esse post trata-se de um resumo desse dia incrível que vivenciamos, poder sentir a alegria dos nossos pequenos, especialmente a alegria do Felipe que tem um entendimento maior da situação, de que ele era o centro das atenções, de que o motivo da reunião era ele e o Gabriel e todos que estava presentes eram pessoas queridas por ele, foi verdadeiramente especial!

No caminho da festa, ele chegou a me dizer que ele teria “2 tarefas para fazer quando  chegar lá” (palavras dele):

“1ª: conferir se você convidou todo mundo que eu pedi”

“2ª Apresentar todos os meus amigos que não se conhecem”

Foi quando eu respondi: “Meu filho, você terá 4 horas e meia para aproveitar uma coisa que você fica esperando o ano inteiro para acontecer de novo, se você ficar preocupado em realizar tarefas nesse período, você não irá curtir a sua própria festa e depois pode ser arrepender disso, por que esse tempo não volta atrás”.

Que bom que ele me deu a oportunidade de aconselha-lo antes de chegarmos no salão e assim curtir a festa intensamente!!!

Agora te convido a ver as fotos desse dia tão lindo e ao final, assistir o vídeo com alguns momentos da festa!

Eu agradeço a Deus todos os dias pela alegria que ele me concede em todos os momentos!!!

Obrigada a você também por estar aqui!

Muitos Beijos!!!

 

 

ADAPTAÇÃO ESCOLAR – SENTINDO NA PELE

Esse ano, mais precisamente logo após o carnaval, iniciamos a adaptação escolar do Gabriel.
Como psicóloga escolar, eu sempre orientei os pais de como agir para que a adaptação escolar ocorresse de maneira suave para os pais, mas especialmente para a criança. Quero dizer para você que a teoria é muito mais fácil do que a prática e nessa segunda adaptação escolar pela qual estou passando só fez aumentar a certeza disso que estou te contando!

Assim que chegamos na escola, no primeiro dia e primeiro contato com esse mundo do Gabriel

 

A primeira semana todinha eu acompanhei meu pequeno na escola, o que tornou o processo um tanto mais tranquilo para ele e para mim pela oportunidade de ver o que ocorre em todos os ambientes da escola durante todo o tempo!

 

Tanto como psicóloga como mãe, eu de fato acredito que esse período em que estamos dentro da escola ajude a aumentar a confiança que depositamos tanto nos profissionais da escola como no ambiente escolar que escolhemos para nossos filhos!

Filmei e fotografei muitos momentos, curti participar e pude vê-lo brincando e demonstrando felicidade no ambiente em que se encontrava.
Essa certeza de que eles estão felizes é extremamente importante para darmos conta do recado nos momentos em que esse processo da adaptação ficar difícil!

 Muitas vezes, vê-los chorando nos deixa com uma sensação de dúvida de “será que estou fazendo a coisa certa?”
“Será que está realmente na hora de ir para a escola?”

Nesses momentos da dúvida, eu reforço a importância da adaptação para que nós pais possamos estar certos de que lá dentro da escola, mesmo durante nossa ausência, essa criança estará feliz!

Passados uns 2 dias da adaptação, Gabriel já não tinha vontade de ir embora no horário sugerido pela escola. Demonstrava querer ficar mais tempo lá brincando e saía chorando. Isso é considerado positivo por que os deixa com a sensação de querer retornar para aquele local.

Eu fiz vídeos para o meu canal que podem ajudar os pais que estiverem enfrentando dificuldades nesse processo de adaptação escolar. Vou deixa-los aqui para você:

Muitos beijos!!!

Eu também dividi meu momento de adaptação escolar lá no meu Instagram enquanto eu estava vivenciando esse momento, vou deixa-lo aqui para que você possa acompanhar as novidades!!!

Something is wrong.
Instagram token error.
Load More

ENSAIO FOTOGRÁFICO SPIDER MAN

Nós fizemos um ensaio fotográfico com os meninos para usarmos na festinha:

  • Lembrancinhas;
  • Banner Digital;
  • Retrospectiva

Eu gostei bastante do resultado final! Assim que o vídeo sair no meu canal do Youtube vou postar aqui também, enquanto isso, deixo as fotos:

Eu adorei o resultado e você? Eu postei uma foto desse ensaio no meu Instagram, vou deixar ele aqui embaixo para que você possa seguir e acompanhar as novidades!

Muitos Beijos!!!

Something is wrong.
Instagram token error.
Load More