VIAGEM BARILOCHE – RETORNO AO CERRO CATEDRAL

Retornamos ao Cerro Catedral por que gostamos muito de lá!!!Sobre todos os detalhes do nosso primeiro dia no Cerro Catedral, incluindo fotos e dicas, acesse: http://milenaloguercio.com.br/Cerro Catedral-Bariloche

Estou deixando o vlog desse dia aqui e as fotos abaixo nesse post:

 

Nevou na noite anterior à nossa visita então o tempo estava fechado lá embaixo na cidade e aqui em cima do Cerro, ensolarado!

Com as nuvens abaixo de nós, a paisagem se tornou um verdadeiro presente.

Dificilmente um adulto não se rende e não se iguala as crianças lá encima! Brincamos como crianças, nos divertimos como crianças e você pode acompanhar todos os detalhes do que estou dizendo no vlog ao final desse post.

Agora, se nós adultos viramos crianças, quem dirá as próprias crianças!!! Eles amaram demais a visita.

Nos descontrolamos na quantidade de fotos, neste dia.

No primeiro dia, optamos por almoçar no Cerro, no restaurante La Roca, como contei no meu post anterior (Cerro Catedral – Bariloche). Dessa vez, preferimos descer e almoçar no Familia Weiss próximo à Rua Bartolome Mitre.

Apesar da demora (ou nossa fome que estava grande), a comida estava gostosa!

Depois disso, visitamos algumas lojas na rua principal, Bartolome Mitre.

Encerramos o passeio na Rapanui Chocolates.

Muitos Beijos!!!

VIAGEM BARILOCHE – PIEDRAS BLANCAS

Dia de conhecer Piedras Blancas :

Nós optamos por fazer a atividade Snow Tubing e como o Gabriel não poderia ir, ficou com minha sogra na lanchonete, enquanto subimos para escorregar na neve!

Lanchonete do Piedras Blancas

O “Snow Tubing” trata-se de um longo skibunda! Esquiamos numa bóia por um longo escorregador de neve, foi muito divertido!

 

 

Lá encima nos preparando para escorregar! Como é muito rápido, da muito medo de gravar e voar da bóia! No vlog, no final desse post, da para ter uma pequena noção do que se trata o Snow Tubing!

 

Saímos de Piedras Blancas e fomos para o Centro de Ski Nórdico

 

 

 

 

Particularmente eu amo os “fundos de fotografia” que as paisagens com neve nos proporcionam. Mesmo sem sairmos do lugar, se demos uma volta em 360º teremos diversas paisagens e todas incríveis!

 

 

 

Neste local também é possível alugar quadriciclos para passear pela neve afora.

 

 

Restaurante El Boliche de Alberto

Esse restaurante vale a indicação! Fomos mais de 01 vez durante nossa estadia e valeu a pena! Não tem variedade, no geral você comerá “churrasco com batata frita e salada” porém posso dizer que a comida é gostosa e farta! Comemos muito bem!

Ahhhh… e o molho chimichurri deles é delicioso também!

Fomos conhecer a Fábrica da Havanna e claro, fazer umas comprinhas!!!

Na Havanna compramos Doce de Leite e chocolates. Eu amo o chocolate “rama” e lá tem esse chocolate em todas as lojas de chocolate pela cidade. Comprei no Havanna, no Mamuschka e na Rapanui . Se eu voltasse lá, a “rama” da Havanna não seria a minha primeira opção! Ruim? Não é não, seria injusta se eu disse isso. Mas os chocolates da Rapanui, meu amigo, são muito gostosos!!!

Vlog referente ao nosso dia:

Muitos Beijos!!!

VAI PARA BARILOCHE? NÃO DEIXE DE LER ESSE POST!

Além dos posts que fiz sobre cada lugar que visitamos, durante nossa estadia em Bariloche, fiz um vídeo para meu canal sobre dicas que considero relevantes para quem viajará para Bariloche!

No vídeo, falo sobre:

A MOEDA:

Peso Argentino, como trocar o dinheiro por Peso Argentino em Bariloche: quanto ele vale, locais de troca, etc…

ALUGUEL DE ROUPAS PARA ESQUIAR:

Onde pesquisar, como pagar menos, quanto custa, se vale a pena alugar ou levar a roupa daqui do Brasil.

RESTAURANTES EM BARILOCHE:

Como escolher o restaurante, sugestão do aplicativo Trip Advisor, quanto custa comer em Bariloche, entre outras…

PASSEIOS QUE GOSTAMOS:

Falei sobre os locais que visitamos e que gostei bastante; sobre os locais que visitamos e não gostei; sobre onde optamos por não visitar e os motivos…

COMPRAS EM BARILOCHE:

Compensa fazer compras em Bariloche, o que compensa comprar,  o que não compensa comprar em Bariloche, sobre os preços das coisas em lá…

Para quem vai viajar para Bariloche o conteúdo do vídeo está bem relevante.

Uma coisa que não contei no vídeo (por que esqueci mesmo) mas que quero registrar é sobre uma situação curiosa que vivenciamos por lá e que voltei sem conseguir aceitar os motivos de forma positiva:

MUITOS BANHEIROS DA ARGENTINA NÃO POSSUEM TRANCAS.

Inclusive do hotel onde ficamos, super novo (dava para ver nas suas instalações que acabara de ser construído). Ficamos num hotel estilo apartamento de uns 100 metros quadrados, com 02 banheiros para 5 adultos e 2 crianças. Na minha cabeça é algo óbvio que deveríamos ter chaves nos banheiros para evitar constrangimento nos momentos íntimos, porém para os argentinos isso não é tão óbvio assim visto que ao ligar na recepção e solicitar chaves para os banheiros a resposta foi que “de acordo com as leis da Argentina (ou seja, do país inteiro), não podem ter chaves nos banheiros”, agora pasmem, “devido ao número crescente de suicídios que ocorrem dentro deles”. OI?????

COMO ASSIM, PRODUÇÃO? Mas juro, aconteceu, é verdade.

O rapaz da recepção me explicou se eles colocam chaves nos banheiros eles estão agindo “ilegalmente” e caso recebam órgãos fiscalizadores, podem ter o hotel fechado, além disso na Argentina eles tem por cultura considerar que um banheiro de porta fechada está ocupado, quando está vazio a porta fica aberta. Simples assim. Para nós a coisa não é tão simples já que nossa cultura tem por hábito deixar a porta do banheiro fechada em qualquer circunstância, tivemos que criar outras estratégias para esse fator cultural não virar um fator de constrangimento, então, colocamos um móvel atrás da porta nos momentos de banho e utilizamos aquela plaquinha de porta “NÃO PERTURBE” para sinalizar que o banheiro estava ocupado.

Visitamos vários banheiros públicos e a história se repete, não tem chaves. Inclusive banheiros de restaurantes.

Quando será sua viagem para Bariloche? Enquanto ela não chega, não deixe de ver essas dicas que separei com todo carinho:

VIAGEM BARILHOCHE – ARGENTINA

VIAGEM BARILOCHE – CERRO CATEDRAL

 

BOA VIAGEM!!!

Muitos Beijos!!!

 

VIAGEM BARILOCHE – CERRO CATEDRAL

Neste dia visitamos o Cerro Catedral que é o principal complexo de esqui da cidade de Bariloche!

 

Para se informar sobre valores das visitas no Cerro Catedral, você pode consultar esse site: http://www.catedralaltapatagonia.com/tarifario.php

Optamos pela pista onde podemos subir de bondinho já que estávamos com as crianças.

Foi uma subida bem tranquila, apesar de bastante alto, não da medo algum por estarmos dentro da cabine da qual é possível admirar uma paisagem maravilhosa!

Não se engane com a cara de bravo do Gabriel, “é tudo truque” como costumo dizer, kkkkkkkkk…

Ele curtiu horrores a neve, não deixe de assistir no nosso Vlog no final desse post!

Por falar em curtir horrores, não foi só o Gabriel e o Felipe quem curtiram a neve. Nós, adultos, brincamos muito também.

Almoçamos no restaurante que tem lá no Cerro: La Roca. 

Posso dizer que a comida é mais bonita do que gostosa porém não é das piores. Da pra entender?! Como única opção de lugar para comer lá encima, quebra o galho, porém comemos em restaurantes mais gostosos durante nossa estadia.

O Macarrão acima pedimos para os meninos, ao molho branco. Estava super sem sal porém com um saquinho de queijo ralado dava pra encarar.

O macarrão negro recheado de Salmão com amêndoas foi a minha escolha, embora quase não conseguisse sentir as amêndoas estava gostosinho.

Já o prato do Fernando foi o “Oxford Steak” conforme o cardápio. Acho que o mais gostoso dos 3 que pedimos. Trata-se de um bife com batatas e cebolas empanadas, com um molho de ervas.

RESTAURANTE LA ROCA

Depois do almoço voltamos para brincar um pouco mais na neve. Caso você seja dessas pessoas que fogem do frio intenso, não demore para descer do Cerro Catedral por que ao final da tarde, forma uma fila gigantesca para pegar o bondinho.

Tão incrível quanto brincar na neve é a vista de lá de cima!

Muitos Beijos!!!

VIAGEM BARILHOCHE – ARGENTINA

O plano era ter visitado um lugar de neve com o Felipe da idade em que o Gabriel está hoje. Tanto que eu tinha roupa para neve guardada e o Gabriel pôde utiliza-la nessa viagem, novinha em folha, nunca usada por que a cada dia eu tenho um aprendizado maior de que nem tudo na nossa vida funciona conforme os nossos planos (mas isso não vem ao caso nesse momento)!

O que vale é que o Felipe esperou 4 anos além do planejado e o lado bom, sim, eu sempre quero acreditar que tudo na nossa vida tenha o lado bom; é que o Felipe nunca mais esquecerá dessa viagem!

Ele sempre nos pediu para conhecer a neve e quando soube que no Brasil não neva, chegou a chorar de lágrimas e decretar que não conseguia aceitar esse fato! Tadinho, não sabe o que está dizendo!! kkkkkkkkkkkkk… Neve para passear é verdadeiramente incrível, mas como é bom passear na neve e voltar para nosso canto “que não neva”, isso é indiscutível e um dia ele também concordará com essa minha afirmação. Talvez não hoje, que ele voltara ainda mais apaixonado pela neve já que se esbaldou!

Contarei sobre nossos dias por lá. Começando do início:

Tem algumas coisas que acontecem que me fazem parecer amadora no quesito “viajar”. Por isso acho importante dizer já que o Felipe, com 06 anos de idade, tem um histórico de viagens de média + de 1 por ano e eu ainda como bola, significa que viajar com crianças não seja lá uma tarefa tão simples e prevenir de acontecimentos estressantes é sempre uma dica importante!

Estávamos em 4 pessoas: Eu, Fê + os 02 filhos e eu acreditava que seria como a ida para os EUA, que pudesse levar 02 malas + carrinho + cadeirinha do carro + cachorro, passarinho, periquito… NADA DISSO! Começamos o desgaste do aeroporto logo de cara!

AMÉRICA DO SUL = 1 MALA POR PESSOA DE ATÉ 23 QUILOS.

Sorte que eu havia feito 2 malas médias e 2 malas pequenas. O que me permitiu despachar 2 médias + 2 pequenas e levar a 3ª mala pequena como bagagem de mão.

CADEIRINHA DO CARRO = não sei se a regra é geral ou somente para a América do Sul, seria interessante você confirmar com a companhia aérea porém, não queriam nos autorizar despachar dizendo que é somente para “baby”, não para “infant” (que é o caso dos meus filhos). Meu marido disse que se informou antes e que haviam confirmado que poderíamos levar (o que é verdade); a atendente ligou para 2 pessoas para confirmar, como ninguém sabia dar a informação com precisão, a resposta dela foi: “vou liberar por que já está encerrando o horário do check in do vôo de vocês”. Ou seja, se estivéssemos muito adiantados, teríamos que fazer o que com as cadeirinhas??? Não me responda, por gentileza….kkkkkkkkkkkkk

Estresse desnecessário e solucionado com ajuda da sorte.

AVIÃO MENOR = CONFORTO BEM MENOR!

Diferente dos vôos para os EUA que temos uma tela de TV por pessoa, com uma vasta seleção de filmes em pré lançamento e comidinhas gostosas até durante o vôo.

AMÉRICA DO SUL = ESQUEÇA TUDO ISSO!

Sem TV, Sem lançamentos, sem comidinhas gostosinhas. A LATAM não mantém o padrão quando o vôo é menor nem para destino internacional.

Para ter acesso a alguns filmes, mesmo sem serem lançamento, não deixe de baixar o aplicativo deles nos seu celular: “LATAM Play”. Eles te avisam para baixar o APP nos 45 do segundo tempo quando ao mesmo tempo eles estão te solicitando colocar o seu celular em “modo avião”.

Quanto as comidas, apesar de termos viajado no horário do almoço (vôo às 13:30h, com check in previso com 2 horas de antecedência). E retorno na hora da janta (vôo 19:00 com check in previsto com 2 horas de antecedência), tudo o que recebemos são comidinhas (se assim podemos chamar) frias: tanto na ida como na volta, o mesmo cardápio: Lanche natural (pão, tomate, alface, presunto e queijo) ou “sala de frango ao pesto” como disse o rapaz da tripulação para avisar que você comeria um frango gelado.

Apesar das idas e voltas serem sempre cansativas, vale muito a pena e nossa viagem começa agora:

Iniciamos nossa viagem pela rua principal de Bariloche: Rua Bartolomé Mitre

Catedral Bariloche

Nosso café da manhã foi na Quilmes que apesar de nome de cerveja, serve um café da manhã bem gostoso e a atração é o teto cheio de brinquedos (dependendo da sua ótica parece até com filme de terror, mas achei exótico!).

 

Galerias de Bariloche pesquisando valores de roupas para neve. Minha dica é: pesquisem mesmo! Variam bastante, mesmo de um vizinho para o outro. Não entrem e aluguem na primeira. Já usa a desculpa do “conhecer a rua” para fazer essa pesquisa!

 

Cada lugar por onde passávamos meu marido provava uma cerveja, essa “Patagonia” nós gostamos!

De tarde, fomos na Rapanui comer uns docinhos… Foi só a primeira de várias visitas que fizemos lá durante a nossa estadia. Este sorvete de Doce de Leite + Chocolate Belga é incrível!

Veja lá no fundo dessa foto como a rua parece a Lombard Street em San Francisco – Califórnia! Senti até saudade!!! Falei sobre ela há um tempo atrás aqui no blog, nesse post: Prisão Alcatraz-Lombard-street-Pier-39-Twin-Peaks-São Francisco-Califórnia Falta aquele colorido das flores, eu confesso, mas o cartão postal é tão lindinho quanto a Lombard Street!

O primeiro dia foi basicamente para nos ambientarmos, conhecermos o centro da cidade, pesquisarmos sobre aluguéis de roupas, trocar dólares e reais por pesos argentinos, fazer compras no mercado para lanches e café da manhã…

 

Muitos Beijos!!!

A DOR DE ACORDAR DE UM SONHO

A minha gravidez não desenvolveu.

Eu decidi postar os vídeos de tudo até aqui, por que fez parte da minha história e não conseguirei apagar nunca mais da minha memória, por isso, decidi que dividiria tudo com vocês sim até por que não sou feita somente de dias e histórias felizes e o quanto essa situação tem feito com que eu valorize ainda mais a vida e família que tenho.

Contarei toda a história em detalhes porém achei por bem iniciar com um resumo de tudo para as pessoas que entrarem nos meus vídeos e não entenderem nada!

Feito o resumo, começarei do começo!

Eu e o Fernando vínhamos falando deste assunto há um tempo… uns 8 ou 9 meses para ser mais exata.

Com 2 filhos, eu já falava em cirurgia plástica; cheguei a passar em consulta com o cirurgião e fazer orçamento até. Quando o Fernando me viu nessa empolgação, das duas uma:

  • Ou acreditou que não teríamos mesmo o segundo filho e foi sincero: “Eu marquei médico para agendar vasectomia”. “Já que não teremos mais filhos, não podemos correr o risco de você fazer cirurgia e depois acabarmos engravidando sem querer”.
  • Ou teve a certeza de que essa conversa me deixaria como fiquei! Perdida, sem saber o que fazer, entrei no famoso questionamento: “Não sei se caso ou compro uma bicicleta” sabe!

Iniciamos uma era de discussões de relação por aqui! Discussões boas, se é que você me entende. Mas nossos “happy hours” passaram a ser para colocarmos nossos pensamentos com relação as diferenças entre uma família de 04 pessoas x uma família de 05 pessoas. Passamos a listar os prós e contras; a falar sobre como seríamos muitos integrantes e teríamos que trabalhar mais; a gostar da ideia (no caso eu, por que o Fernando sempre soube que ele queria 03 filhos); a amar a ideia; a sonhar com a ideia; a planejar a ideia; a executar o plano; a concretizar o plano; a comemorar a conquista; a implantar a existência deste ser que chegaria na nossa família em alguns meses; a fazer novos planos; a contar para nossa família e amigos; a tirar fotos considerando esse bebê na minha barriga; a falarmos dessa gestação como um novo integrante da nossa família…

Até que chegou o dia em que tivemos que lidar com a realidade, a mais dura e cruel que já tive que encarar em toda a minha existência. Sim, de fato a minha vida é maravilhosa. Esse item mais duro e cruel para mim é encarado pela medicina como “TÃO COMUM QUE  DE 25% A 30% DAS MULHERES PASSAM NA VIDA”. Eu não sou de falar palavrão nos meus vídeos e muito menos de escrevê-los nos meus posts, mas no momento em que isso acontece com você, posso dizer que você liga um grande FODA-SE à estatística.

No momento da sua descoberta (quando você quer mesmo o bebê, claro), o chão se abre sob os seus pés e parece que você cai tão fundo num vazio de escuridão tão grande que nem você mesma acredita que ele possa existir e você grita desesperadamente: “É isso mesmo, produção?” “Deus, cadê você? Por que está fazendo isso comigo? O que eu te fiz? Por que eu mereço isso? Você não vai me segurar? Me acordar desse pesadelo e faz com que eu descubra que foi só um sonho ruim?”

Com o tempo, você começa identificar as coisas mesmo no meio da escuridão e antes das luzes se acenderem você já começa entender que terá que lidar com isso e que OS SIGNIFICADOS QUE VOCÊ DARÁ PARA ESSA PERDA terão o poder de AUMENTAR OU DIMINUIR A SUA DOR.

Foi assim, mesmo que em meio a escuridão, a tristeza, a sensação de fracasso, a dor, a mais profunda dor que eu já senti; decidi que eu iria acender a luz, eu iria escalar esse poço no qual desabei e recomeçar. Dói, ainda dói. Mas estou buscando entender e aceitar o que aconteceu comigo. Decidi falar, resolvi mostrar tudo para vocês por que acredito muitas mulheres passam por isso, sofram muito e muitas vezes carregam sozinha o sofrimento. Você não tem ideia de como uma amiga que viveu uma situação parecida com a minha me ajudou MUITO.

Só o fato de saber que ela poderia me entender, fez total diferença. Me senti acolhida; da um conforto tão grande saber que eu tinha com quem dividir tudo o que eu estava passando que eu decidi fazer o mesmo por outras mulheres. Estou dividindo com você para o caso de você estar passando por algo parecido, sinta-se acolhida, me escreva, conte comigo. Eu te entendo!

O QUE ACONTECEU COM A MINHA GESTAÇÃO?

Ela não evoluiu. Meu embrião não chegou a ter BCF (batimento cardíaco fetal)

COMO FIQUEI SABENDO?

Como eu estava tentando engravidar, eu sabia a data de tudo! De cada detalhe: meu último ciclo menstrual; a data da minha ovulação; a data da minha nidação ; o dia em que fiz o meu primeiro teste de gravidez (e dera negativo); o dia em que fiz o meu segundo teste de gravidez (e dera positivo), etc…

Fiz o meu primeiro ultrassom no dia 13/07/2018:

Junto com o Beta HCG  que deu muito baixo = 160. De acordo com a médica do hospital: “Parabéns, você está grávida mas você descobriu muito cedo. Antes do Beta dar 2000 não conseguimos ver nada no seu útero”.

Meu segundo ultrassom foi no dia 27/07/2018:

Quando passei na médica, ela disse que ainda estava muito cedo. Provavelmente eu estaria de menos tempo de gestação do que eu acreditava estar já que não batiam as datas do meu último período com os ultrassons. Então ela sugeriu que eu repetisse o exame dali a 01 semana e foi enfática: “Daí temos que ouvir os batimentos cardíacos, mas se não acontecer eu quero que você saiba que não é o fim do mundo. Isso é muito comum acontecer quando há alguma incompatibilidade genética mas você é nova, saudável, pode tentar de novo a qualquer momento… bla bla bla bla bla bla… eu bloqueei, já não ouvia mais nada. Pensei: “Como assim? O que ela pensa? Claro que está tudo bem”.

Parenteses: Hoje eu sei que a evolução daquele embrião já não estava sendo de maneira satisfatória, lá atrás eu não parei para pensar nisso por que eu nunca acreditei passar por essa situação.

Meu terceiro ultrassom foi no dia 02/08/2018:

Esse só não foi pior do que meu último ultra. Meu marido foi comigo num ultrassom que estava marcado para 8:40h . Ele teria uma reunião as 10:30h do outro lado de SP porém queria “ouvir o coração do bebê”.  Resumindo, o laboratório atrasou tanto, tanto, que ele saiu quase 10h de lá e eu ainda não tinha nem entrado na sala. Conclusão: já entrei chorando para o exame e a médica passou uns 15 minutos só me acalmando para começarmos já que expliquei a tensão que eu estava e o quanto aquele dia era importante e pelo atraso meu marido não poderia estar do meu lado naquele momento.

Embora eu estivesse irritada com a médica pude sentir o quanto ela se sensibilizou com a minha situação e não sei dizer o quanto isso foi melhor ou pior para mim e já faço com que você consiga entender o meu raciocínio:

Fizemos o exame e a notícia que eu não queria escutar chegou: “Realmente não identifiquei batimentos mas se pegarmos todos os seus ultrassons vemos que o embrião está evoluindo, no primeiro só tinha uma leve formação de um possível saco gestacional; no segundo foi possível visualizar a vesícula vitelina ; e agora conseguimos ver o embrião, ou seja, ainda há a suspeita de que as datas que você passou não estejam batendo”.

Talvez, se a médica não estivesse tão sensibilizada com a minha emoção, ela teria sido mais enfática e realista nesse exame. Mas viverei com esse: “TALVEZ”.

Acredite em mim: não tive mais dúvidas, passei a acreditar piamente que as datas poderiam estar erradas e meu bebê teria menos tempo do que eu acreditava que tivesse. Sério, eu sabia cada data, mas nesse momento, eu não me senti me sabotando, eu ACREDITEI FIELMENTE NISSO. Uma crença inquestionável de que daria tudo certo e PONTO. Eu não questionei mais nada, só tive certeza.

Como eu estava com a viagem para Bariloche marcada para dali a 04 dias, cheguei para o Fernando e disse: “Chega, não vou voltar na médica, vamos contar para nossa família, vamos viajar; quando voltarmos eu começarei tudo de novo, daí o bebê estará maiorzinho, terá os batimentos, conseguirão estimar a data do parto e saberemos de quantas semanas eu realmente estou.

Fomos viver e fomos felizes nesse período, este bebê participou da nossa viagem como um integrante da família, vocês poderão ver nos vídeos dos vlogs de Bariloche em alguns momentos, como nessas fotos que postarei somente aqui:

Cerro Catedral – Bariloche – Argentina

Rua Bartolome Mitre – San Carlos de Bariloche

Meu quarto ultrassom foi no dia 20/08/2018:

Fui trabalhar no período da manhã, saí de lá, peguei meu marido e fomos para o laboratório. Estava atrasada a agenda para variar. O que conversamos na espera? Eu digo:

  • Modelos de quartos para 03 filhos. Sim, o Fernando estava olhando as fotos no Google  de como poderíamos fazer para deixar o quarto deles divertido com 03 camas.
  • Como eu não poderia imaginar que veria minha barriga crescer novamente! Olhávamos as fotos e as grávidas ao nosso redor e eu dizia para o Fernando que eu estava tão feliz e tão agradecida a oportunidade de vivenciar tudo outra vez. Que estava sendo tão especial e que em alguns momentos eu não conseguia acreditar que eu ficaria com aquele barrigão outra vez.

Chegou minha vez, fui para o exame mais difícil da minha vida.

Entreguei meus exames anteriores e adiantei a minha história. A médica não falava, estava quieta e séria. De repente a notícia: “É não tem mesmo batimento”. Pedimos que ela repetisse, por que eu não quis entender. Então ela falou: “Eu não identifiquei os batimentos cardíacos, não evoluiu mesmo.”

Pensa comigo, se fosse uma gestação saudável, no dia 20/08/2018 eu estaria com 9 semanas e 6 dias, já teríamos que ter ouvido os batimentos há quase 1 mês atrás e adivinhe qual foi a minha resposta?????

“DRA, SERÁ QUE EU POSSO TER ERRADO AS DATAS?” = NEGAÇÃO, MECANISMO DE DEFESA PSICOLÓGICA DO EGO. Afffffff, como somos humanos nesses momentos né! Neguei, não consegui aceitar. Então ela foi ainda mais clara:

“Não, você já está com um descolamento considerável, o embrião já está até danificado”.

Pronto, pode voltar lá no início desse post e começar tudo outra vez na parte onde eu digo: o chão abriu sob meus pés. Foi aqui, foi nesse momento. Foi uma eternidade esperar o laudo desse exame; eu sentia o meu corpo formigar, uma sensação horrível. Abracei o Fernando e não consegui me manter forte. Desabei.

Não foi fácil, não está sendo fácil, não esquecerei nunca… mas venho buscado formas de lidar com isso e acredito que NA MEDIDA DO POSSÍVEL, estou indo bem!

Quero falar com você a respeito de tudo isso nos meus vídeos assim que eu conseguir terminar as frases sem chorar. Prometo!

Acredito sim que Deus saiba de todas as coisas e que ele quer sim o melhor para nós. De alguma forma eu tinha que passar por isso e estou aprendendo a aceitar, diariamente.

Por fim, deixo para você o texto com o qual divulguei a minha mais profunda perda para minha família e amigos:

Para nossa família e nossos amigos…

Essa é a notícia mais difícil que eu já dei em toda a minha vida. Fizemos um ultrassom há poucos dias e descobrimos que a gestação não evoluiu, infelizmente.

Perdemos o chão, a esperança, a nossa família de 5 pessoas. Ganhamos o medo; a dor; o problema de contar para nosso filho mais velho que está comemorando diariamente a vida desse bebê; a tristeza de abrir os olhos deste sonho… enfim… simbólico, sabemos! Nossa médica tem nos confortado muito nos explicando o quanto isso é comum e nos dizendo que “emocionalmente” perdemos um filho porém para a ciência era um embrião de pouquíssimo tempo que será expelido naturalmente (se Deus quiser).

Pedimos desculpas por ter te envolvido nisso. De alguma forma acreditamos que nossa alegria deveria ter sido dividida com você e acredite, é muito dura a missão de ter que retirar essa informação.

Vai passar, iremos nos recuperar e se Deus quiser logo logo estaremos fortes e muitos felizes como sempre fomos, novamente. Acredito que coisas ruins venham para nos ensinar coisas boas. E que a vontade de Deus deve prevalecer sempre por que muitas vezes desconhecemos o que é “o melhor” para nós, mas ele, nunca.

Agradeço inclusive pela compreensão desse tempo que precisamos para negar a notícia, chorar, questionar para enfim aceitar.

Ficaremos bem! Amém.

Para finalizar, o vídeo onde conto sobre a perda com todos esses detalhes:

Enquanto eu fui feliz nessa gestação:

No vídeo abaixo eu conto sobre essa gestação:

Nesse vídeo conto sobre os primeiros exames, os medicamentos que estava tomando e o quanto eu estava feliz:

Muitos Beijos!!!

 

 

 

 

JETT PLASMA PARA MANCHAS NA PELE

 

 

O Jato de Plasma tem um excelente resultado com as manchas indesejadas na pele. Mas além disso, ele tem muitas outras indicações:

  • Sinais de idade;
  • Manchas de sol;
  • Verrugas;
  • Dermatose em geral;
  • Rugas e linhas de expressão;
  • Pálpebras flácidas;
  • Olheiras;
  • Áreas micropigmentadas;
  • Lifting Facial;
  • No colo e pescoço, trazendo rejuvenescimento;
  • Na região da papada;
  • Em locais com cicatrizes de acne;
  • Em locais do corpo com estrias brancas ou vermelhas (vermelhas saem mais facilmente);
  • Em locais do corpo com cicatrizes atróficas ou hipertróficas.
  • Telangiectasias (famosos vasinhos)

 

Esse equipamento é indicado para MUITOS TRATAMENTOS e com resultados visíveis desde a PRIMEIRA SESSÃO!

Fiz um vídeo explicativo e deixarei aqui com mais detalhes:

Não deixe de ver outros posts do blog a respeito do Jett Plasma , acesse:

O QUE É JATO DE PLASMA? QUAIS OS BENEFÍCIOS?

Muitos Beijos!!!

O QUE É JATO DE PLASMA? QUAIS OS BENEFÍCIOS?

Quando conheci o Jato de Plasma, eu me apaixonei!

 O tratamento com o Jett Plasma garante resultados visíveis imediatamente após a aplicação aprimorando-se a longo prazo, com a renovação celular da pele. O aparelho pode ser usado para tratamentos corporais e faciais para redução de rugas, cicatrização de acne, peeling profundo, restauração do tecido conectivo e problemas de pigmentação (manchas senis, manchas causadas pelo sol). O dispositivo também é capaz de incorporar ingredientes ativos nas camadas profundas da pele, para a normalização dos tecidos conectivos, melhorar a elasticidade da pele e restaurar a microcirculação na pele.

O resultado dessa ação estimula a produção de colágeno, fibras elásticas, melhora a pele danificada pelo sol, nivela rugas e a superfície da pele. O dispositivo também é capaz de incorporar ingredientes ativos nas camadas profundas da pele, para a normalização dos tecidos conectivos, melhorar a elasticidade da pele e restaurar a microcirculação na pele.

No vídeo abaixo, falo sobre detalhes do que é o Jato de Plasma e como funciona:

CONTATO: (11) 95997-4621 (TELEFONE E WHATSAPP)

Qual a indicação do Jato de Plasma? 

– Remoção de Rugas: profundas e superficiais

– Acne: adequado após a fase aguda, para a melhoria na cura e na remoção das cicatrizes

– Telangiectasias, os “vasinhos” tanto da perna como do rosto

– Manchas pigmentares (manchas senis, manchas de sol, pintas, verrugas…)

– Cicatrizes e estrias

Funções do Jett Plasma:

– Aumento Significativo de colágeno tipo I;
– Redução de fibroblastos de queloide nas áreas de cicatrizes;
– Nova orientação das fibras de colágeno recentemente criadas ou formadas na direção da corrente contínua;
– Aumento dos fatores de crescimento bem como aumento da concentração de óxido de nitrogênio;
– Aumenta hidratação da pele;
– Aumento de Ca intracelular;
– Aumento de K extracelular;
– Aumento de quimiotaxia;
– Usado também para incorporar ativos nas camadas profundas da pele;

– Resultados visíveis na primeira sessão

Contra indicação: 

  • Pacemaker, monitor Holter
  • Outro dispositivo elétrico implantado
  • Epilepsia
  • Gravidez
  • Presença de substitutos de metais no local do tratamento
  • Doença inflamatória aguda
  • Doença oncológica

Muitos Beijos!!!

 

11 ANOS DE CASADOS – JANTAR RESTAURANTE A BELA SINTRA

Nossos 11 anos de casamento foram comemorados “a dois”! Dessa vez ganhamos um “valeweekend” (final de semana completo) e escolhemos jantar no restaurante A bela Sintra. O Fernando já conhecia o restaurante e foi ele quem fez as honras dessa vez após 3 anos seguidos de comemorações em restaurantes escolhidos por mim.

Não é um restaurante nada barato e por isso acreditei que pudesse não ter espera, mas não se engane! Faça reserva sim. Como o restaurante não é muito grande, ficamos uns 40 minutos na espera.

Eles servem clássicos da culinária Portuguesa e já foram premiados com o melhor bacalhau de São Paulo.

Couvert delicioso composto de bolinhos de bacalhau, croquetes de carne, patês variados, manteiga e pães variados. O bolinho de bacalhau foi o campeão na minha opinião!

PRATO FERNANDO: Camarão á Provençal com Arroz de Brócolis

Servido com um molho levemente apimentado, estava muito saboroso!

PRATO MILENA: Bacalhau Chiado.

Sobre esse prato posso falar com propriedade: MA-RA-VI-LHO-SO.

Peguei uma foto direto do site “a bela Sintra” para que você entenda com  detalhes do que estou falando:  

Uma bela posta de bacalhau com uma crosta de amêndoas (que o deixa levemente crocante), servido com cebolas, batatas, cenouras, espinafre e muito azeite. Me deu água na boca aqui!

Acabamos não pedindo sobremesa por que, como um bom restaurante Português, a base da maioria delas é ovo e não me deu vontade. Mas mostrei o cardápio de sobremesa no vlog que fiz por que o cardápio deles não é nada tradicional, ele é uma cardápio “ao vivo”, ou seja, você vê todas as sobremesas ali prontas, na sua frente, e escolhe qual desejar! Não deixe de assistir o vídeo com nossas considerações também:

 

No ano passado, completamos 10 anos de casados e houve uma comemoração especial com renovação de votos em Las Vegas, vou deixar o post com fotos e todos os detalhes aqui: Renovação-de-votos-casamento-em-Las-Vegas 

Uma ótima sugestão de comida boa para uma comemoração especial! Só se prepare para gastar $$$ é mais salgado do que o bacalhau, com perdão do trocadilho! Rsrsrsrsrsrsrsrsrs…

Muitos Beijos!!!

 

VACINA

Eu tenho vontade de abordar este assunto aqui já faz um tempo, mas não poderia falar nada para vocês antes de estudar e ter certeza de estar falando a coisa certa… por isso demorei um pouco e agora, vivenciando mensalmente a visitação nos postos ou clínicas de vacina em busca de imunizar meu bebê, este assunto veio à tona e, depois de estudar, decidi manifestar a minha opinião a respeito.

Muitas amigas do meu ciclo de amizade vacinam seus filhos na rede particular, eu diria A MAIORIA delas. Desde que o Felipe nasceu, visito quase que mensalmente o posto de saúde em busca de vacina-lo e tenho repetido este ato agora, com o Gabriel.

COMO ESCOLHER O MELHOR LOCAL PARA VACINAR?

Então, nosso país tem uma fama de que NADA FUNCIONA, correto??? Pois bem, concordo em partes. Poucas coisas que eu sei que são infalíveis no Brasil: PRISÃO PARA O NÃO PAGAMENTO DE PENSÃO ALIMENTÍCIA (eu sei que não tem nada a ver com o assunto, mas é por que isso funciona, kkkkkkkkkkkkkk) e O SISTEMA DE VACINAÇÃO!

De acordo com as informações que levantei para trazer este post para o blog, o nosso sistema de vacinação é UM DOS MELHORES DO MUNDO, super completo.

Assim, para que pagar (DE NOVO) por um serviço que você já paga nos seus impostos?! Então, a minha escolha sobre o MELHOR LOCAL PARA VACINAR se dá da seguinte forma:

  • Tem na rede pública? É lá que eu vacino;
  • Está em falta? Rede particular;
  • Só tem na rede particular? Fui para a clínica.
  • Os lotes de vacina na rede pública são repostos com mais frequência o que facilita encontrarmos vacinas “novas”

COMO SABER QUAL VACINA TOMAR E SE ELA EXISTE OU NÃO NA REDE PÚBLICA?

Todos os meses, nas consultas com a pediatra, carrego a carteira de vacinação dos meus filhos e mostro para ela; assim, ela sempre me diz se existe alguma que o posto não marcou e que existe na rede privada. Daí, recorro a este serviço.

Anualmente, o calendário de vacinação é alterado, então, caso o seu filho não seja mais um bebê que frequenta o médico pediatra mensalmente, meu conselho é levar a carteira de vacinação na próxima consulta para que o médico diga se existe alguma vacina que tenha entrado no calendário e que ele não tenha tomado. Por exemplo, na época do Felipe, a vacina contra Varicela (catapora) não existia na rede pública, dei em clínica particular. De uns tempos para cá o governo incluiu no calendário de vacinação e agora o Gabriel, provavelmente, tomará no posto de saúde.

Mas quem me passa essas informações é sempre a pediatra deles.