VAI PARA BARILOCHE? NÃO DEIXE DE LER ESSE POST!

Além dos posts que fiz sobre cada lugar que visitamos, durante nossa estadia em Bariloche, fiz dois vídeos para meu canal sobre dicas que considero relevantes para quem viajará para Bariloche!

 

No vídeo, falo sobre:

A MOEDA:

Peso Argentino, como trocar o dinheiro por Peso Argentino em Bariloche: quanto ele vale, locais de troca, etc…

ALUGUEL DE ROUPAS PARA ESQUIAR:

Onde pesquisar, como pagar menos, quanto custa, se vale a pena alugar ou levar a roupa daqui do Brasil.

RESTAURANTES EM BARILOCHE:

Como escolher o restaurante, sugestão do aplicativo Trip Advisor, quanto custa comer em Bariloche, entre outras…

PASSEIOS QUE GOSTAMOS:

Falei sobre os locais que visitamos e que gostei bastante; sobre os locais que visitamos e não gostei; sobre onde optamos por não visitar e os motivos…

COMPRAS EM BARILOCHE:

Compensa fazer compras em Bariloche, o que compensa comprar,  o que não compensa comprar em Bariloche, sobre os preços das coisas em lá…

Para quem vai viajar para Bariloche o conteúdo do vídeo está bem relevante.

Uma coisa que não contei no vídeo (por que esqueci mesmo) mas que quero registrar é sobre uma situação curiosa que vivenciamos por lá e que voltei sem conseguir aceitar os motivos de forma positiva:

MUITOS BANHEIROS DA ARGENTINA NÃO POSSUEM TRANCAS.

Inclusive do hotel onde ficamos, super novo (dava para ver nas suas instalações que acabara de ser construído). Ficamos num hotel estilo apartamento de uns 100 metros quadrados, com 02 banheiros para 5 adultos e 2 crianças. Na minha cabeça é algo óbvio que deveríamos ter chaves nos banheiros para evitar constrangimento nos momentos íntimos, porém para os argentinos isso não é tão óbvio assim visto que ao ligar na recepção e solicitar chaves para os banheiros a resposta foi que “de acordo com as leis da Argentina (ou seja, do país inteiro), não podem ter chaves nos banheiros”, agora pasmem, “devido ao número crescente de suicídios que ocorrem dentro deles”. OI?????

COMO ASSIM, PRODUÇÃO? Mas juro, aconteceu, é verdade.

O rapaz da recepção me explicou se eles colocam chaves nos banheiros eles estão agindo “ilegalmente” e caso recebam órgãos fiscalizadores, podem ter o hotel fechado, além disso na Argentina eles tem por cultura considerar que um banheiro de porta fechada está ocupado, quando está vazio a porta fica aberta. Simples assim. Para nós a coisa não é tão simples já que nossa cultura tem por hábito deixar a porta do banheiro fechada em qualquer circunstância, tivemos que criar outras estratégias para esse fator cultural não virar um fator de constrangimento, então, colocamos um móvel atrás da porta nos momentos de banho e utilizamos aquela plaquinha de porta “NÃO PERTURBE” para sinalizar que o banheiro estava ocupado.

Visitamos vários banheiros públicos e a história se repete, não tem chaves. Inclusive banheiros de restaurantes.

Quando será sua viagem para Bariloche? Enquanto ela não chega, não deixe de ver essas dicas que separei com todo carinho:

VIAGEM BARILHOCHE – ARGENTINA

VIAGEM BARILOCHE – CERRO CATEDRAL

BOA VIAGEM!!!

Muitos Beijos!!!