INTRODUÇÃO ALIMENTAR – PASSO 1 – QUANDO INICIAR?

Lá no Meu Canal do Youtube está rolando uma série de 10 vídeos com tudo o que os pais precisam saber para a introdução alimentar do bebê.

Expliquei mais sobre os motivos dessa série no post abaixo:

Você terá acesso a todas as respostas enumeradas no post acima.

O vídeo 1 já foi liberado:

Nesse vídeo, a Dra. Aline Telles, especialista no assunto, conta os motivos para esperarmos até o 6º mês para oferecer qualquer outro alimento para o bebê além do leite, inclusive água.

Em casos de introdução alimentar mais antigas, os profissionais iniciavam até um pouco antes dos seis meses de vida do bebê, normalmente sobre a alegação do bebê acostumar com novos sabores.

Segundo a Dra. Aline, o corpo do bebê ainda não está totalmente preparado para receber outros tipos de alimentos.

Necessitamos de uma enzima na nossa saliva para auxiliar a digestão chamada de “amilase salivar”. Essa enzima não é produzida antes dos quatro meses de vida.

Assim, antes dos quatro meses, não se deve ofertar chás, sucos ou até mesmo água para os bebês. Eles não têm essa necessidade ainda.

Do quinto ao sexto mês de vida do bebê, não existe nenhuma comprovação dos benefícios da introdução alimentar pelo contrário! Devido ao organismo em desenvolvimento pode ainda ser prejudicial iniciar a alimentação do bebê além do leite.

Alguns pais ficam aflitos com a diminuição do ganho de peso do bebê por volta dessa fase (cinco a seis meses de vida) e por essa razão resolvem iniciar a alimentação além do aleitamento.

Segundo a Dra. Aline Telles, até o quinto mês, o ganho de peso considerado excelente para um bebê varia em média nas 30 gramas diárias. Porém, por volta do sexto mês, esse ganho de peso é esperadamente reduzido para uma média de 07 gramas diárias. O que aflige muitos papais e mamães e acaba funcionando com um gatilho para recorrer mais rapidamente à introdução alimentar.

O que fica de mais precioso nesse primeiro vídeo da série é que o LEITE MATERNO continua sendo o alimento mais completo e de maior benefício para o bebê.

Nenhum alimento que oferecermos para o bebê irá compensar a composição dos nutrientes do leite materno.

Você ainda tem alguma dúvida sobre introdução alimentar ou aleitamento materno?

Entre em contato com a Dra. Aline Telles, nutricionista especialidade nessas questões:

https://www.commadre.com.br/equipe/aline-telles/

Não deixe de acompanhar as próximas postagens sobre INTRODUÇÃO ALIMENTAR.

Muitos Beijos!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *